Dieta na Medicina Chinesa

Dieta: alimentação na medicina chinesa

A dieta alimentar é a base da medicina tradicional chinesa. Através dela que conseguimos a energia base para nosso organismo. Essa filosofia de vida vem também acompanhada dos fitoterápicos chineses, das práticas de exercícios físicos regulares e da acupuntura (moxabustão, auriculoterapia, acupressura e etc.)

Yoga na dieta
Fonte: Kookstudiogids.nl/flickr.com

As doenças que se aproveitam de nosso organismo, vem na maioria das vezes por conta de uma dieta de baixos nutrientes energéticos. Segundo a medicina tradicional chinesa é importante termos um organismo forte, mantendo nosso sistema imunológico elevado para assim não deixarmos que a doença adentre nosso corpo.

Dieta na Medicina Chinesa
Fonte: jiformales (yajo) – super busy …/flickr.com

Devemos observar na dieta que comer em quantidade é inversamente contrário de comer com qualidade. Muitas pessoas substituem na dieta, importantes refeições com alta quantidade de nutrientes por uma alimentação rápida e rica em gorduras e carboidratos, os famosos “fast food”. Vale ressaltar que a grande importância do alimento é a energia que ele pode fornecer ao seu organismo para beneficiar sua funções vitais, em outras palavras, para a medicina chinesa há alimentos específicos para cada tipo de pessoa, com base nos cinco elementos (água, madeira, fogo, terra e metal). Comece a notar que alguns alimentos fazem bem a certas pessoas e na dieta de outras faz mal.

O consumo de leite de “vaca” não é indicado para nós seres humanos, a Universidade de Harvard em pesquisas recentes alertou quanto ao consumo deste tipo de alimento em nossa dieta. Puderam provar a grande possibilidade de desenvolvimento de câncer no organismo humano no longo prazo. Na visão tradicional chinesa eles mostram que o leite aumenta a umidade em nosso organismo e com isso podemos nos deixa propício ao aumento de doenças por conta desta umidade. Vale lembrar que, o ambiente úmido desenvolve um grande número de bactérias.

Dieta sem leite
Fonte: Gabrielle Falcao/flickr.com

O leite materno é para ser consumido até sua idade de amamentação correta e a partir de então o cálcio para nosso organismo tem que ser buscado em vegetais de cor verde escura como o brócolis e a couve manteiga, mas procure um nutricionista para uma melhor orientação em sua dieta e consuma com moderação. E fica o alerta, o leite materno não é substituído por nenhuma outra forma de nutriente na dieta da criança. Cabe saber que o ser humano é o único animal que continua a consumir leite após a vida adulta, mas não o materno e sim o de outras fontes.

Dieta e fitoterápico chinês
Fonte: Ana Paula Hirama/flickr.com

“Comer pra viver ou viver pra comer?!”, pense nessa frase e reflita sua vida.

“Os médicos excepcionais previnem doenças. Os médicos medianos curam doenças que ainda não se manifestaram. Os médicos medíocres tratam de doenças já manifestadas.” (Chinesisches Sprichwort, 2000 v. Chr./Livro: Os 5 elementos na alimentação equilibrada, pág. 09) 

CURTA E COMPARTILHE com seus amigos.

Texto escrito por: Fabio Lamego – Profissional de Educação física com especialização em Fisiologia e Treinamento, Método Pilates e Acupuntura. Divide em cada artigo um pouco do que aprendeu durante sua jornada acadêmica e o que já viu em suas andanças pelo mundo a fora. “Informação é feita para ser passada!”

2 ideias sobre “Dieta: alimentação na medicina chinesa”

Deixe seu comentário...